Condução e Acompanhamento de Obras (regime pós-laboral)

Apresentação

O diploma de técnico superior profissional confere uma qualificação caracterizada por contribuir para as boas práticas e qualidade da construção de forma autónoma ou em equipa, coordenando atividades de direção de obra e/ou de fiscalização, colaborando na organização e montagem de estaleiros, elaborando medições de obra, preparando planos de trabalho e cadernos de encargo, relacionados com a construção de edifícios correntes, assegurando a qualidade dos materiais e dos processos produtivos.

Objetivos

Pretende-se que os diplomados deste CTeSP adquiram as seguintes competências:

  • Planear e programar a realização de obras;
  • Elaborar cadernos de encargos e planos de trabalhos;
  • Coordenar o controlo de qualidade dos materiais e processos produtivos;
  • Acompanhar e fiscalizar a execução de obras de Construção Civil e Obras Públicas de forma a assegurar o cumprimento do projecto;
  • Acompanhar e supervisionar o trabalho da equipa da produção afecta à sua área de intervenção, com o fim de assegurar o cumprimento do plano de produção;
  • Organizar e implementar planos de Higiene e Segurança no Trabalho;
  • Apoiar a Direção de Obras.

Saídas profissionais

  • Entidades Públicas como Câmaras Municipais ou Serviços Municipalizados de Águas e Saneamento
  • Empresas de Engenharia Civil (incluindo Gabinetes de Projecto)
  • Empresas de prestação de serviços na área da Higiene Segurança no Trabalho (Construção)

Razões para a escolha do curso

  • Os Técnicos Profissionais em Condução e Acompanhamento de Obras adquirem competências que lhes permitem ingressar de imediato no mercado de trabalho. Estando aptos a efectuar a gestão de obras correntes e de complexidade intermédia e apoiar a gestão de obras de complexidade elevada.
  • Os diplomados deste CTeSP podem, alternativamente, aceder de modo directo a qualquer licenciatura das Escolas Superiores de Tecnologia (do Barreiro e de Setúbal) do Instituto Politécnico de Setúbal, com dispensa de prova de ingresso.

Plano de estudos

Plano de Estudos

Duração e total de créditos ECTS

120

Coordenador do curso

Brevemente disponível

Despacho de publicação em Diário da República

Brevemente disponível

Propina anual

750 euros (consulte regulamentação de propinas)

Número de vagas proposto na criação do curso

30

Condições de acesso e ingresso

Podem candidatar-se:

  • Titulares do ensino secundário (regular ou profissional);
  • Titulares de CET, CTeSP ou Curso Superior;
  • Titulares das Provas para Maiores de 23 Anos.

Consulte aqui as condições de acesso específicas para o Regime Geral
Consulte aqui as condições de acesso específicas para o Regime de M23
Consulte aqui as condições de acesso a Mudança de Par Instituição/Curso e Reingresso

Pré-requisitos

Não aplicável

Outra informação

Lista de empresas com as quais foram celebrados protocolos de estágio:

  • António Carapinha Santos, Lda
  • Beiratagus, Sociedade de Construção, Lda
  • Câmara Municipal do Barreiro
  • Câmara Municipal da Moita
  • Câmara Municipal do Montijo
  • Câmara Municipal de Oeiras
  • Câmara Municipal de Sesimbra
  • Câmara Municipal de Setúbal
  • Catari Portugal
  • Enersado - Unipessoal, Lda
  • ETERMAR
  • Florêncio Dias Construção Civíl, Lda
  • Setezete - Projectos & Construções, Lda